Aviso: na biblioteca de Jacinto não se aplicará o novo Acordo Ortográfico.

22 dezembro 2006

O significado do presépio para os ateus explicarem aos filhos

O presépio representa a pobreza e simplicidade em que nasceu um menino que, quando cresceu, conseguiu influenciar os que o rodeavam apenas pela força das suas palavras e o mundo pela força da sua mensagem.
Convém também explicar que os seguidores dele disseram e dizem, fizeram e fazem, em seu nome, muitas coisas que são o contrário do que ele andou a dizer. E que esses também influenciam o mundo, usando outras forças como a guerra, a opressão, a ignorância, a manipulação, etc. Mas que ele não tem culpa.

6 comentários:

Luís Sirgado disse...

Pois é importante explicar às crianças isso, mas também aos adultos. Porque muitos já esqueceram o sentido do presépio ( rendendo-se ao espirito do pai natal) e do natal em si.
Já agora desejo-te um feliz natal!

Anónimo disse...

Gostaria de na qualidade de representante dos judeus, muçulmanos, hindus, budistas, taoistas, animistas e sikhs... que também temos direito a que nos expliquem o significado do presépio, pois o mundo não se divide apenas em cristãos e ateus. Na verdade todos juntos somos mais do dobro do que a soma dos cristãos e ateus.

MCA disse...

Bem, esta era uma versão para ateus, ou seja, uma versão totalmente desprovida de significado religioso. Para as outras religiões acaba por também ser válida, acho eu...

PJA disse...

Como se vê pelo comentário de anonymous, tudo serve para começar uma guerra, com a competente contagem de espingardas e tudo ("...somos mais do dobro..."). Decididamente, o significado do presépio, mesmo em linguagem simples (talvez por isso?), é de difícil apreensão!
Já agora, quem terá passado procuração a este "representante"?

João Luis disse...

A serio que gostei... Nao sei porque. Mas esta bem.

PJA disse...

Mantenho o que escrevi em 2006. Não me surpreende ter ficado sem resposta. Estou habituado.